O que fazer em Nova York: roteiro completo e dicas para 4, 5 ou 7 dias

O que fazer em Nova York

A grande maçã é um dos destinos mais cobiçados por turistas do mundo todo e posso dizer que a cidade realmente é um sonho de consumo. Nas minhas andanças pelo mundo já tive o privilégio de passar 9 dias explorando a cidade. Hoje apresento o que fazer em Nova York com um roteiro completo e muitas dicas para 4, 5 ou 7 dias. Vem ver!

O que fazer em Nova York

O que fazer em Nova York: roteiro completo e dicas para 4, 5 ou 7 dias

Quem procura o que fazer em Nova York encontra inúmeras opções: museus, parques, roteiro de compras e muitas outras coisas interessantes. Então o ideal é priorizar aquilo que faz parte do seu interesse e montar a programação.

Quantos dias ficar em Nova York?

Essa pergunta é difícil responder. Eu mesmo poderia morar em NYC, pois adoro cidades cosmopolitas e lá foi onde realmente tive a impressão que tudo pode funcionar 24 horas. Mas é claro que isso não funcionaria em qualquer lugar. Se está planejando a sua viagem e quer saber quanto tempo ficar em Nova York não aconselho ficar menos do que 4 noites. Veja as sugestões de roteiros:

ROTEIRO BÁSICO:

PRIMEIRO DIA: Check in no hotel, percorrer a 5 Avenida (Fifth Avenue ou 5th Avenue), curtir o Central Park e subir o Top of Rock;

O que fazer em Nova York

A maioria dos voos brasileiros chega em NYC pela manhã. E o melhor jeito de circular pela cidade é de metrô. Para sair do Aeroporto JFK pegue o AirTrain JFK Red. Se você chegar pelo Aeroporto LaGuardia então pegue o ônibus Q70 até algum ponto integrado com o metrô.

Você pode comprar logo o MetroCard ir até o seu hotel pedir para guardarem suas malas. Nada de dormir, o melhor é conhecer a chique (e cara) 5th Avenue na altura do Rockefeller Center.

Para saber mais sobre como se deslocar em Nova York de transporte público não deixe de ler o artigo do blog Revivendo Viagens.

No alto do Rockefeller está o Top of Rock, meu mirante favorito de Nova York. Você pode comprar o ticket para subi-lo assim que chegar ou deixar para ir no entardecer para ver o lindo por do sol na cidade. Caminhe até pela Quinta Avenida até o Central Park e aproveite para conhecer diversos atrativos do icônico parque da cidade. Se quiser é possível obter o mapa completo com todos os atrativos do parque.

O que fazer em Nova York

Nessa região você também encontra a St. Patrick’s Cathedral e boas lojas onde comprar em Nova York como: Apple, H&M, Zara, Victoria Secrets, Guess, Gap, Tommy Hilfiger, Michael Cors, Sunglass, Massimo Dutti, Best Buy (eletrônicos) e a 42nd Street Perfume. É também nessa rua que ficam as nada populares Gucci, Luis Vuitton e Tiffany.

SEGUNDO DIA:  Conhecer a Estátua da Liberdade, visitar o centro financeiro de Nova York, Visitar o Memorial do 11 de Setembro e subir o One World Trade Center.

No segundo dia comece logo por um dos monumentos mais famosos do mundo: a Estátua da Liberdade. Para acessá-la, é preciso passar por procedimentos de segurança iguais ao de um aeroporto. Reserve uma manhã ou tarde inteira para contemplá-la.

O que fazer em Nova YorkComo chegar na Estátua da Liberdade e comprar o ingresso?

Para chegar na Estátua da Liberdade o melhor jeito é ir de metrô. É possível comprar o ticket na hora As estações mais próximas são: Whitehall (Linhas N e R – Amarela) ou Bowling Green (Linhas 4 e 5 – Verde).

Para comprar o ingresso basta dirigir-se até a bilheteria, é bem tranquilo comprar na hora. Caso você tenha adquirido o CITYPASS ou outros passes disponíveis na cidade a sua entrada na Estátua da Liberdade já estará inclusa. Você ainda pode subir até o pedestal ou na coroa da estátua, mas para isso é preciso agendar com antecedência no site oficial.

O que fazer em Nova York

Leia também: CityPASS em Nova York, suas atrações e como usar

Depois da visita siga para o centro financeiro passando pelo pequeno parque Bowling Green. Caminhe até o Charging Bull, o touro de bronze que as pessoas costumam acariciar os colhões na intenção de ficarem ricos. Dali muitos seguem até a Bolsa de Valores de NY que fica pertinho. Se for do seu interesse passe pelo Financial District e pelo Federal Hall.

O que fazer em Nova York

  • Memorial 11 de Setembro

O dia continua intenso com uma visita ao Memorial do 11 de Setembro, um museu que fica no exato lugar da tragédia que chocou o mundo em 2001. A área externa do memorial é muito bonita e rende boas fotos. Bem ao lado dele está o moderno e lindíssimo shopping Westfield World Trade Center, que vale uma visita.

Logo em frente fica a St. Paul’s Chapel, igreja que resistiu intacta ao desmoronamento das Torres Gêmeas. E bem ao lado dela fica a loja de departamento Century 21, um dos melhores lugares onde comprar em Nova York. Seus preços são excelentes!

Na mesma região está também o One World Trade Center, edifício moderno e o mais alto de todo o país, inclusive um dos mais altos do mundo. Para subir até o seu topo o valor não é dos mais econômicos e geralmente e o melhor é agendar com antecedência se quiser ver o disputado pôr do sol lá de cima.

A vista é bonita, mas não é a mais incrível da cidade. Como quase tudo feito por americanos rola uma brincadeira quando chega no topo, mas sendo bem honesto não achei que foi indispensável a subida.

TERCEIRO DIA: primeiro museu + Times Square

O que fazer em Nova York

No terceiro dia reserve tempo para conhecer algum dos gigantescos museus de NYC e percorrer a famosa Times Square. Se eu tivesse que escolher apenas um museu em Nova York o meu favorito seria o American Museum of Natural History. É simplesmente o maior museu de história natural do mundo, então nem preciso dizer que por lá você encontrará uma infinidade de coisas interessantes de toda a história da humanidade.

Se quiser ver tudo com calma é possível gastar um dia inteiro só nesse museu, mas limite a sua visita a uma manhã ou tarde. Vale ressaltar que o preço do ingresso é Suggested Admission. Então se você quiser pagar apenas 1 dólar pela entrada ninguém poderá te impedir de entrar nele. Mas vale aplicar o bom senso, não é mesmo?

É claro que a cidade tem incontáveis museus e se você prefere arte, a boa pedida fica com o The Metropolitan Museum of Art (MET) para apreciar inúmeras pinturas, esculturas e obras de arte. O preço da entrada também é Suggested Admission, então você pode pagar quanto achar que deve ainda que haja um valor sugerido.

O Moma (The Museum of Modern Art) é ideal para curtir obras de Picasso, Monet, Frida Kahlo, Dalí, Andy Warhol, Van Gogh, dentre outros. Imperdível passar pelo seu jardim e sua entrada é gratuita as sextas-feiras entre 16h e 20h. Outro museu badalado é o Guggenheim, com obras consagradas e exposições temporárias. Aos sábados entre 17h45 e 19h45 você paga o quanto quiser para entrar nesse museu.

Não recomendo visitar mais de um museu no mesmo dia. Todos eles tem acervos gigantescos e a visita pode tornar-se bastante cansativa. Portanto para o seu primeiro dia de museu escolha um desses três que citei. Se você tem mais tempo pela cidade vale a pena adquirir o CityPASS e aproveitar todos os benefícios que ele tem a oferecer, inclusive a entrada de vários museus e muitos outros atrativos.

  • Times Square

O que fazer em Nova York

A próxima parada é a igualmente famosa Times Square. A avenida dos gigantes letreiros luminosos está sempre movimentada. Por ali misturam-se pessoas do mundo inteiro. Existem várias estações de metrô em seu entorno. Estão ali lojas famosas que valem a visita como a Disney Store, Planet Hollywood, M&M’s World, Hard Rock Café e muitas lojinhas para compra souvenirs.

O melhor ponto para fotografar a Times é ficar próximo a escadaria da TKTS. Outra opção é subir no segundo andar da loja Aeropostale. Se você tiver interesse em assistir algum espetáculo da Broadway, na TKTS você pode concorrer a loteria dos espetáculos, conseguindo ingressos com descontos. Para saber mais não deixe de ler o artigo do Dicas de Nova York.  Vale a pena visitar a Times Square de dia e de noite, pois o ambiente fica completamente diferente.

QUARTO DIA: Brooklyn Bridge, D.U.M.B.O e passeio de barco

O que fazer em Nova York

Se esse for o seu último dia em Nova York então não deixe de conhecer a ponte do Brooklyn. Muitas pessoas cruzam ela de bicicleta, mas você pode fazer o percurso a pé também. A parte de pedestres passa por cima dos carros e o local rende excelentes fotos sobretudo no entardecer.

O melhor a fazer é percorrer a ponte saindo de Manhattan sentido ao Brooklyn. Você pode descer em alguma das várias estações onde fica o City Hall. Já no Brooklyn, não deixe de visitar o carrossel e tomar um sorvete. Ali também você encontra boas opções gastronômicas ideais para fazer um lanche e tomar algo gelado se tiver calor.

Não deixe de passear pelo parque que fica debaixo da ponte, inclusive para vê-la sob vários ângulos, dos seus dois lados. Ali também é ótimo para fazer um piquenique. Para tornar a sua viagem ainda mais completa faça um passeio de barco saindo do terminal de balsas que fica bem ali ao lado. Pegue o barco no sentido south (sul) e vá até a Ilha do Governador.

O que fazer em Nova York

É possível ainda ir e vir desde New Jersey de barco. Você vai encontrar outra perspectiva da cidade de dentro da água passando debaixo das grandes pontes, eu adorei. Na volta ainda da pra descer em Williamsburg, o distrito hipster que está atraindo cada vez mais atenção de quem visita NYC. Com suas lojas deslocadas, grafites, o lugar reserva muitas surpresas. E se for sábado ou domingo você pode aproveitar as feirinhas que acontecem no East River State Park.

ROTEIRO INTERMEDIÁRIO:

QUINTO DIA: High line + segundo museu

Com 5 dias já é possível visitar mais um dos excelentes museus que mencionei anteriormente. Além disso, não deixe de visitar o High Line Park, uma estrutura suspensa que foi transformada em um delicioso jardim e serve como espaço de arte. Você pode começar a percorrê-lo a partir do Chelsea Market, um mercadão que tem excelentes opções gastronômicas.

O que fazer em Nova York

Por ali também fica mais o Meatpacking District, um bairro que reúne cervejarias, roftops badalados e uma glamourosa vida noturna. O paraíso dos eletrônicos também fica por ali, a B&H, loja que tem até atendentes que falam português e os melhores preços da cidade. Nessa região você ainda encontra o Eataly e a Harmon Face Values, que é o verdadeiro paraíso dos cosméticos.

ROTEIRO COMPLETO:

SEXTO DIA: Empire State, Macy´s e terceiro museu

Se você me julgar por colocar o famoso edifício apenas no sexto dia, eu explico: a minha visão lá do alto dele não foi assim tão impactante. O Empire State pode até ser o edifício mais emblemático de Nova York, mas não foi o que mais me impressionou do alto.

O que fazer em Nova York

Talvez por oferecer só mais uma visão da cidade não me agradou tanto. As grades de proteção incomodam e impedem boas fotografias. Inclusive se quiser subi-lo e acessar o último nível é preciso pagar um valor a mais. Se tiver que escolher apenas um edifício para subir escolha o Top of Rock. Mas a vista do Empire da rua é imperdível, passe próximo dele também.

Bem pertinho do Empire State fica a Macy´s, considerada a maior loja de departamento do mundo! A loja é uma boa pedida para quem estiver interessado em fazer compras. Nessa mesma área você também encontra lojas como H&M, GAP, Uniqlo, Aeropostale, Zara, Sephora, Forever 21, Duane Reade e o outlet de cosméticos chamado Cosmetic Market.

Se você está planejando o que fazer em Nova York da para combinar esse passeio com algum museu.

SÉTIMO DIA: Compras, lugares que não couberam no roteiro e outras experiências pela cidade

Com 7 dias da pra escolher direitinho o que fazer em Nova York. Se você não tiver conseguido cumprir algum dos programas nos dias anteriores pode ser uma boa tentar fazê-los. Dá inclusive para fazer um tour pela NYC dos seriados.

O que fazer em Nova York

É possível separar um tempo maior para fazer um roteiro de compras. Inclusive muita gente vai até New Jersey (que é acessível de metrô) para visitar os outlets. Você ainda pode revisitar algum lugar que tenha gostado muito ou passar mais tempo no Central Park. É possível alugar uma bicicleta para percorrê-lo ou simplesmente relaxar por lá.

Não custa repetir que é válido conhecer pelo menos um museu de Nova York. As coleções norte americanas estão entre as maiores e mais importantes do mundo.

Mas caso você não tenha interesse em visitar outros museus como foi sugerido nas combinações de passeios. Nesse caso basta substituí-los colocando outros atrativos que citei nas combinações.

NYC também é uma cidade onde acontecem muitos eventos culturais, shows e muito mais. Não deixe de conferir a agenda da grande maçã para saber o que vai acontecer no período da sua visita. Para saber das coisas gratuitas acesse o grupo no facebok e o Club Free Time.

O que fazer em Nova York à noite?

Como já era de se esperar, a big apple oferece uma intensa programação noturna. Desde restaurantes, bares, casas noturnas a espetáculos da Broadway. Em breve pretendo escrever um artigo só sobre o que fazer à noite em NYC. Pode ser que te interesse ler meu guia gay de clubes, bares e points de Nova York, lá no site do Viaja Bi!

O que fazer em Nova York

Você não pode deixar de visitar a Times Square à noite. É quando os letreiros luminosos mais se destacam e a região ganha uma verdadeira magia.

Eu ainda fui nos pés da Brooklyn Bridge à noite, um dos meus lugares favoritos para apreciar a cidade toda iluminada. Agora se você procura como ver a Estátua da Liberdade de perto sem pagar nada saiba que existe uma balsa que sai de Staten Island e vai até Manhattan (e vice versa). O transporte funciona durante o dia e à noite todos os dias da semana gratuitamente.

O que fazer em Nova York

Fiz esse percurso à noite e pude ver a cidade toda iluminada também de dentro do Hudson. Além de passar bem na frente da Estátua da Liberdade você conhecerá vários pontos importantes da cidade.

Qual espetáculo da Broadway devo assistir?

Essa pergunta continuará sem resposta, afinal é na Broadway que estão alguns dos shows e apresentações mais famosas do mundo! Os ingressos costumam ser caros, mas você pode concorrer a loteria da Broadway online. Contando com a sorte é possível conseguir um baita desconto de até 50% em algum espetáculo.

Para participar é preciso acessar o site no dia anterior e se inscrever para os espetáculos do seu interesse. A partir daí basta aguardar o sorteio. Caso seja contemplado é necessário ir até um dos escritórios e retirar o ingresso com desconto.

Existem ainda os espetáculos da Off Broadway. Eles são igualmente bem produzidos e montados, porém com público menor e preço que pode ser mais acessível. Tive o privilégio de assistir Stomp e compartilhei meu relato sobre como foi a experiência no Blog Guia Mundo Afora.

O que fazer em Nova YorkLeia também: Show da Broadway em Nova York: confira o memorável STOMP!

Quando ir a Nova York?

A cidade possui quatro estações bem definidas. De forma geral, brasileiros gostam mais de ir a Nova York na primavera, verão ou outono. No verão é possível até mesmo curtir uma praia bem próxima, em Coney Island. Se puder evite a segunda quinzena de julho e agosto inteiro, quando o calor fica praticamente insuportável.

Já na primavera (março a junho) pode ser um pouco mais difícil montar a mala. É que você pode enfrentar tanto frio quanto calor. Mas também é quando a cidade fica repleta de flores e ganha um colorido especial.

O que fazer em Nova York

Mas a melhor época para conhecer Nova York é no outono (setembro a dezembro). O clima é agradável e fica mais fácil caminhar pela cidade. Com apenas um casaco leve você resolve o frio que costuma vir pela manhã ou à noite. A temperatura costuma ser agradável. Estive em Nova York em setembro e tenho certeza que fiz uma excelente escolha.

O inverno (de dezembro a março) costuma ser bem gelado, não é raro inclusive nevar. Nesse caso é preciso ficar atento, pois conhecer Nova York no inverno pode demandar roupas e alguns cuidados especiais. Ainda existe o risco de voos, passeios e programas serem cancelados em razão do mal tempo.

O período mais crítico do inverno vai da segunda quinzena de dezembro até o começo de março. Não é raro encontrar lagos congelados e o pessoal patinando no gelo além de brincar com a neve. Para o natal a cidade sempre recebe decoração especial. Porém não conheço uma pessoa sequer que tenha gostado do réveillon em NYC, já que a festa deles é meio sem graça.

Onde ficar hospedado em Nova York?

Já sabendo o que fazer em Nova York chegou a hora de escolher a hospedagem. Com fama de careira, escolher onde ficar hospedado em Nova York pode ser uma tarefa difícil. Separei uma lista de boas ofertas em hotéis no Booking. Quando estive na cidade fiquei hospedado no NY Moore, um hostel super descolado e bem localizado que me agradou bastante.

onde ficar em nova york

Leia também: Onde ficar em Nova York pagando barato – conheça o ótimo NY Moore

Com todas essas informações espero ter ajudado você a planejar o que fazer em Nova York. A cidade é uma das minhas favoritas no mundo e certamente você sairá de lá querendo voltar.

Gostou do artigo? Então faça suas reservas aqui pelo blog! Clique nos links abaixo e não pague nada mais por isso. Com a sua ajuda nós recebemos uma pequena comissão e fazemos mais conteúdo de qualidade. Clica, vai? 🙂 

Adquira aqui: chip internacional melhores ofertas de hotéis | alugue um imóvel e sinta-se como morador local | passagens aéreas em promoção | seguro viagem | aluguel de carro | pacotes em promoção | viagem com milhas

Até logo!

Amilton Fortes
Siga:

Amilton Fortes

Administrador, agente de viagens, especialista em coaching, fotógrafo e um turisteiro nato que adora escrever contando especialmente as coisas que ninguém disse sobre os lugares que visita. Segue pelo mundo colecionando seus ímãs de geladeira. contato: [email protected]
Amilton Fortes
Siga:

38 thoughts on “O que fazer em Nova York: roteiro completo e dicas para 4, 5 ou 7 dias

  1. Fernanda says:

    Muito legal seu roteiro. Nova York é um sonho de consumo já há algum tempo e espero em breve conhecê-la. Confesso que é o tipo de lugar que gostaria de ficar por pelo menos um mês, sentir o clima da cidade, entender como funciona e tal. Mas se eu for com os dias contados, já sei qual itinerário seguir 😉

  2. Viviane Carneiro says:

    Amei as dicas, o roteiro e as fotos maravilhosas! Vou conhecer Nova York esse ano e esse post veio em ótima hora. Já favoritei para anotar todas dicas. Parabéns pelo belíssimo trabalho!

  3. Fabia Fuzeti says:

    Ótimo roteiro de Nova York. Gosto muito da cidade! Concordo que menos de 4 noites é complicado e corrido. Tem muita coisa para visitar. Sou apaixonada pela Brooklyn Bridge 🙂

  4. Lulu Freitas | Let's Fly Away says:

    NY é muito bacana, muitas coisas para fazer de todos os tipos. Adorei o post, as fotos estão lindas e as dicas perfeitas. Eu fui duas vezes e não consegui subir no Top of the Rock por conta do tempo. Depois de ler o seu post, acho que tenho que voltar lá!

  5. Juliana Moreti says:

    Faz mais de 10 anos que estive em NY e certamente encontrarei uma outra cidade…. Muita das tuas dicas eu nao me lembro de ter visto.
    No entanto, eu sou uma “turista lerda”.. fiquei 7 dias da primeira vez e imagino que mais 7 ainda é pouco!
    hehehehehe

  6. Analuiza says:

    Olá… sabe que nunca tive vontade de visitar NYC?! Acho que sou caso raro! Por uma questão circuntacial – a maratona – novembro passado passei 13 dias por la…. o inesperado aconteceu: gostei imensamente. É uma cidade intrigante esta! 🤔🤔 Passei por muitos lugares que você cita na lista mas outros não. Sinal que a cidade tem muito o que ver/fazer né?! Espero um dia voltar! 😊

  7. De boa na trip says:

    Nossa, as fotos estão lindíssimas! Adorei a dica do citypass. Nunca tive muita vontade de conhecer Nova York, mas agora acho até que vou cogitar colocar na listinha rs

  8. cris says:

    Esse roteiro veio bem a calhar para minha viagem! Nunca estive por lá e adorei esse roteiro. Super redondinho! E essas fotos, hein? Uma lindeza!

  9. Paloma says:

    Como adoro Nova York 😍😍 seu roteiro ta bem completo, vou pra la fim do ano e ja to planejamento meu roteiro.💟😙

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: