10 atrações imperdíveis em Bangkok

DSC_0828

Se você já acompanha nosso site, deve ter percebido que nós amamos nossa viagem pela Tailândia. Foram 32 dias de pura aventura e muitas boas histórias, que inclusive foram contadas em outros posts, veja:

Leia também: Bangkok: Primeira parada em Bangkok: Khao San Road

Leia também: Koh Phi Phi, Koh Tao, Koh Samui, Koh Pangan: O mapa do tesouro para as ilhas da Tailândia!

Leia também: Koh Phi Phi: todas as dicas sobre a ilha mais famosa da Tailândia

Leia também: Chiang Mai: tigres, elefantes, pandas, mulheres girafa e ainda tem mais?

Mas se o seu intuito é saber mais sobre Bangkok, chegou no lugar certo. A seguir vou enumerar as 10 atrações imperdíveis que devem ser feitas pela cidade, confira:

10 – Rio Chao Phraya
Rio Chao Praya

Dotado de beleza e charme únicos, o mais importante rio de Bangkok proporciona uma vista incrível da cidade sob outros ângulos. São mais de vinte pontos de parada que podem ser utilizados como importante meio de transporte pela cidade. Aliás, por falar em turismo, existe um barco exclusivamente turístico para quem quer só passear pelo rio, podendo inclusive contar com jantar e danças típicas, custa a partir de 40 Bahts.

Planeje sua viagem completa! Confira Pacotes para Asia

Mas para quem quer apenas se locomover com muito charme, existem estações que deixam próximo da Khao San Road, em frente ao Wat Pho/Wat Arum, na estação Saphan Taksin, do Skytrain (metrô suspenso), próximo da Chinatown (descer na estação Phra Arthit) ou ainda bem próximo do maravilhoso píer/shopping Asiatique. Recomendo fazer nem que seja uma viagem convencional (que custa de 12 a 15 bahts) principalmente no final da tarde, para apreciar o pôr do sol, que é lindo e se impressionar com a limpeza do rio e também com a vista sensacional da cidade por outro ângulo.

Maiores informações: http://www.chaophrayaexpressboat.com/en/home/

9 – Mercado Flutuante
Floating Market

floating market é um dos passeios mais populares nos arredores de Bangkok e oferece uma visita para conhecer o antigo estilo de compras que acontecia pela cidade. Apesar de ser um programa do tipo “pega turista”, se você souber aproveitar, poderá ter uma experiência inesquecível. A parte chata e, de certa forma compreensível, é que as pessoas que ficam dentro dos barcos com comida e artesanato querem que você compre alguma coisa, o que não é obrigatório. Para o passeio de barco (que dura 20 min.) é necessário desembolsar 150 bahts que não estão inclusos. O tour leva cerca de duas horas de van entre a capital e o mercado, tanto na ida quanto na volta. Se você estiver disposto a negociar o preço, pode conseguir pagar até 250 bahts pela viagem, há muitas opções de agências principalmente na região da Khao San Road.

8 – Sirocco Bar
Siroco Skybar

Situado na Lebua Tower, o Sirocco ficou famoso depois do filme “Se beber não case 2”, que teve algumas das cenas gravadas no local. Com muito charme, requinte e uma vista privilegiada da cidade, ali certamente estão os drinks mais cobiçados (e caros) da cidade. A única regra da casa é que não podem entrar pessoas de bermuda nem chinelo. Você não é obrigado a consumir nada, apesar de ser algo recomendado (eu mesmo não comprei nada depois de ver uma água custando algo como 200 bahts). Para a alegria dos turisteiros, é permitido tirar fotografias à vontade, vale a visita!

7 – Siam Paragon
Siam Paragon

Um dos mais importantes shoppings da cidade, o Siam Paragon é ideal para quem gosta de comprar tudo das melhores marcas. É extremamente luxuoso e conta ainda com restaurantes tailandeses de excelente qualidade. Foi nele também que encontrei um dos meus vícios: as rosquinhas do “krispy kreme”, um verdadeiro pecado. Vale circular também pela região desse shopping, que conta com vários outros centros de compras como o MKB Center, The Platinum Fashion Mall eCentral World Plaza, tudo pertinho. Pra completar, dentro do Siam está o Sea life, o impressionante aquário tido como um dos maiores de toda a Ásia. O melhor jeito de chegar até lá é pelo Skytrain (descendo na estação Siam), ou de táxi, que como já dissemos em outros textos é baratíssimo (mas peça para o taxista usar o “meter”, que é o contador).

6 – Sea life
Sea Life

Essa foi sem dúvida uma das nossas maiores surpresas de Bangkok. O aquário é muito grande e bonito, conta com muitas espécies de peixes, tubarões e tantos outros animais que habitam o fundo do mar (como polvos, arraias, tartarugas e até mesmo águas-vivas) em espaços bonitos . É uma verdadeira aventura, numa estrutura impressionante, sobretudo para quem viaja com crianças. O local conta com algumas palestras e locais interativos, tudo de primeiro mundo. Reserve pelo menos 3 horas para percorrer todas as galerias do aquário que está localizado no subsolo do Siam Paragon. Para quem quiser, é possível inclusive nadar com os animais. A entrada custa 990 bahts e vale muito a pena.

5 –  Mercado Chatuchak
Chatuchak

Outra grande boa surpresa da cidade foi o mercado Chatuchak, um dos maiores mercados da Ásia. Funciona exclusivamente aos domingos e mistura feira de rua com camelô, lojas requintadas e muita, mas muita comida, para todos os bolsos. A feira se estende por uma área gigantesca, com área coberta e descoberta. É possível encontrar souvenirs, roupas, utensílios domésticos e até mesmo coisas que você nunca imaginou. Os preços são verdadeiras pechinchas e a qualidade bem melhor do que aquilo que se vende na Khao San e em Chinatown, vale reservar um tempo para se perder nos corredores que ficam lotados de moradores e turistas, foi sem dúvida, uma das minhas melhores experiências em mercados asiáticos. De táxi, saindo da Khao San ficou em torno de 150 bahts. Outra opção é a estação de metro Phahon Yothin, que fica bem em frente ao mercado.

4 – Asiatique
Asiatique

Pouquíssimo divulgado entre turistas, esse incrível shopping segue livre dos chineses e seus ipads, bem as margens do Rio Chao Phraya (é possível chegar até ele de barco ou táxi), com uma das vistas mais incríveis da cidade. As lojas são arrojadas e a arquitetura está no estilo mais moderno possível, com corredores largos e espaços ao ar livre. Encontrei excelentes opções gastronômicas e com preços bem mais justos do que os do Siam Paragon, além de incríveis lojas de souvenirs que muito me lembraram da imaginarium (versão asiática). Foi aqui também que fiz minha primeira caricatura, os artistas de rua são muito organizados. Além de muitas opções de lazer e compras, o espaço conta com um parque de diversões que traz uma emblemática roda gigante, no melhor estilo London Eye. De lá também sai o passeio do barco turístico, maiores informações podem ser obtidas no próprio pier. Minha dica pessoal é esperar anoitecer, quando o charme toma conta do lugar.

3 – Wat Pho
Wat Pho

Em meio aos milhões de templos que existem espalhados por toda a Ásia, o Wat Pho é sem dúvida, um daqueles que você não deve deixar de fora do seu roteiro. Bem ao lado do Grand Palace, dá pra ir caminhando a partir da Khao San Road. Nele está o monumental buda de ouro reclinado, uma obra impressionante tanto pelo tamanho quanto pela riqueza de detalhes. Dizem que ele é folheado a ouro de verdade! E toda essa riqueza se estende para o lado de fora, por todos os outros cantos do terreno que incontáveis detalhes. Imperdível ainda é a massagem oferecida na escola de massagens que fica nos fundos do Wat Pho. Sugiro reservar logo na chegada, paguei 420 Bahts (uma hora de muito prazer ou nos pés ou no corpo inteiro).  Eu já tinha lido em vários sites e comprovei na prática: valeu cada centavo! Uma tarde para o complexo é o mínimo que irá gastar.

2 – Rambuttri/Khao San Road
Rambuttri

Minhas duas ruas favoritas de Bangkok se completam. Se não Khao San está instalado o caos dos vendedores de produtos falsificados, comidas de rua, drinks, boates e muitos turistas, na Rambuttri estão restaurantes mais descolados, charmosos e vazios, lojas de decoração com produtos maravilhosos e poucos ambulantes. Foi indo e vindo por esses dois cantinhos que passei a maior parte do meu tempo em Bangkok e posso dizer que foi a minha melhor escolha. Prove o sorvete de coco, um kebab, um pad thai e também um baldinho de bebida (bucket), tudo na rua mesmo. Os restaurantes da Rambuttri também são incríveis e o café da manhã na 7Eleven é quase que uma tradição entre os mochileiros. Aproveite para comprar suas lembrancinhas nessas duas ruas e ainda relaxar fazendo uma thai massage depois de um dia de muitos passeios.

1 – Thai Massage
Thai Massage

O produto nacional tailandês não é o arroz e sim a indústria da massagem. Para nossa alegria, casas de massagem e pessoas gritando “thaaaaaai massage” estão por toda parte, desde cadeiras improvisadas no meio da rua a casas luxuosas que oferecem conforto e luxo. Se eu pudesse, faria thai massage todos os dias, revezando entre foot, body, oil, back and neck, head and shoulder massage, todas são incríveis. Era meu vício e o momento de relaxar depois de um dia cheio de passeios e muita caminhada. O único problema é que o preço costuma ser tabelado, então não importa se você escolhe um lugar chique ou simples, eles tabelam e dificilmente oferecem descontos. Portanto experimente no máximo de lugares que puder, os preços variavam de 150 a 300 bahts por uma hora (REF. nov/15). Espero que tenha curtido as dicas e aproveite!

Quer saber mais sobre essa experiência ou gostaria de falar diretamente com a nossa equipe para obter auxílio no planejamento de uma viagem? Então entre em contato agora mesmo, preenchendo os campos abaixo que lhe responderemos em breve! Nós, turisteiros, assessoramos você por meio da experiência em viagens desde a compra da passagem até os detalhes do roteiro final.

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Amilton Fortes
Siga:

Amilton Fortes

Administrador, agente de viagens, especialista em coaching, fotógrafo e um turisteiro nato que adora escrever contando especialmente as coisas que ninguém disse sobre os lugares que visita. Segue pelo mundo colecionando seus ímãs de geladeira. contato: [email protected]
Amilton Fortes
Siga:

2 thoughts on “10 atrações imperdíveis em Bangkok

  1. Pingback: cartier love Armreif Männer Replik

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: